• (31) 99973-2709
  • hugomoraismendes@gmail.com

Retrospectiva Ágil

Retrospectiva Ágil

A reunião de retrospectiva tem como forma inspecionar e adaptar, seja realizada em projetos ágeis ou cascata, sendo o seu principal objetivo levantar o que funcionou e o que deu erro durante a etapa de entrega, assim juntos estudando uma melhor forma de melhorar a execução na próxima entrega.

A reunião de retrospectiva deve ser realizada sempre que houver necessidade, é interessante que ocorra também a cada entrega que pode ser semanal, quinzenal ou mensal. Levante todos os fatos que aconteceram e tirem ações de melhoria para o próximo ciclo. Com o passar dos meses, os integrantes do time vão se conhecendo e trabalhando de forma mais integrada e menos reativa

As reuniões de retrospectivas podem ser conduzidas de uma forma simples, seguindo a perguntas da imagem abaixo, podendo utilizar post its, quadros, flips charts, canetas. A reunião deve ser realizada em locais que as pessoas se sentem a vontade para debater.

Fonte: https://annelisegripp.com.br/retrospectivas-ageis/

Abaixo segue algumas dicas de técnicas que podem ser utilizadas.

Técnica do M&M

Cada pessoa pega um confeite do pacote. Cada cor de um confete deve ser relacionado a uma parte processo de trabalho, como: sprint (amarelo), daily (vermelho), review (marrom), etc… A cor que a pessoa sortear vai ser o assunto que ela vai falar, o que foi legal e o que precisa melhorar.

TÉCNICA PDCA

  • O que precisamos começar?
  • O que podemos continuar?
  • O que precisamos melhorar?
  • O que temos que parar?

TÉCNICA STARFISH

  • O que precisamos manter (keep doing)?
  • O que precisamos parar de fazer (stop doing)?
  • O que precisamos começar a fazer (start doing)?

TÉCNICA LEARNNING MATRIX

  • O que foi bom?
  • O que devemos parar de fazer?
  • Novas ideias, formas de trabalhar
  • Boas ações durante o ciclo

TÉCNICA HOT AIR BALLON

Olhando para trás – o fogo e o ar quente: O que nos ajuda a ir mais alto – Quais são as coisas que nos empurram para a frente?

Olhando para trás – forças puxando para baixo: Quais são as forças que nos puxam para baixo?

Olhando para o futuro – tempestade: Qual é a tempestade pela frente? O que terá o nosso turbulenta viagem?

Olhando para o futuro – sol: O que poderíamos fazer para evitar a tempestade e virar-se para dias de sol? O que vamos fazer para superar os possíveis desafios à nossa frente?

TÉCNICA DO PAPEL PICADO

Pegue uma folha em branco e escreva as palavras, dando espaço entre elas para depois cortar a folha, que falam sobre o processo. Tipo: PLANNING, REVIEW, RETROSPECTIVA, DAILY, GROOMING, USER STORY, SCRUM MASTER, PRODUCT OWNER, ENTREGA, QUALIDADE DE CÓDIGO… entre outros que você achar importante. Corte cada palavra dessa, dobre e embaralhe. Cada membro do time vai sortear um papel, vai ler e falar um ponto positivo e um ponto a melhorar daquela palavra. Depois se tiver mais alguém que queira complementar, pode abrir para discussão. Isso vai sendo feito até o último papel para sorteio.

TÉCNICA “VAMOS TRANSFORMAR”

Essa técnica utilizamos para refletir sobre como podemos melhorar a nossa atuação dentro da empresa com intuito de transformar o ambiente que trabalhamos. As perguntas são simples, mas muito importantes para sabermos onde e quando agir. Basta fazer as perguntas e pra cada pergunta, pedir o pessoal para colocar respostas nos post its e debatermos sobre as soluções propostas. Seguem as perguntas : “O que está fora do nosso alcance?”, ou seja, não vale focar nesse momento, pois não teremos força e nem braço para agir. “O que podemos fazer para influenciar?”, ações que podem ser feitas para influenciar pessoas, ambientes, cenários. “O que depende de nós?”, é nossa área, nos dividimos para agir, podemos e devemos fazer para promover mudanças.

Hugo Mendes

×

Tabela de Conteúdo